12 de fevereiro de 2015

Por quê bocejamos?

Ahhhhhhhhhhhhh…

que sono espreguiçando

Mal começou essa Enciclopédia Biruta, e já estamos com sono, só de olhar para a foto daquele tigre. Aposto que você também bocejou quando o viu, não é?

Esse tigre mora dentro do livro Que sono!, da autora Monika Spang, que conta a história de um menino que decidiu visitar o zoológico bem cedinho para encontrar os animais prontos pra pular, correr, brincar e pescar. Mas, o menino viu algo bem diferente disso. Os bichos estavam bem sonolentos e bocejavam muito.

Falando nisso, você sabe o que é que causa o bocejo? Se conseguir ficar acordado até o final dessa enciclopédia, poderá descobrir algumas teorias que os estudiosos criaram para explicar.

A primeira delas é que o bocejo serve para oxigenar o sangue. Como você já ouviu na escola, o gás mais importante para o funcionamento do nosso corpo é o oxigênio. Quando você o respira, o que sobra no sangue é o gás carbônico, que pode fazer mal se estiver em excesso. Então, o ato de bocejar seria um truque para inspirar mais oxigênio e dar um “xô” mais forte no gás carbônico.

Outra teoria, que tem tudo a ver a primeira, é que o bocejo pode ser uma forma de resfriar o cérebro, justamente pela maior entrada do gás oxigênio. Essa conclusão veio de experimentos que mostraram que colocar pacotinhos gelados na testa das pessoas faz com que bocejem menos.

Alguns estudiosos, porém, acreditam que essa seja uma reação involuntária ao sono nas situações que você precisa ficar bem acordado.

Ou também, pode ser um alongamento dos músculos. Como você usa muito a garganta e a língua, o bocejo ajuda a manter esses dois músculos em forma, assim como fazemos ao alongar as pernas depois de uma corrida.

Agora que você já bocejou bastante, que tal tirar uma sonequinha? Mas, antes disso, confira algumas curiosidades que encontramos por aí.

 que sono_girafa

Curiosidades:

- Quando uma pessoa boceja, abre bem a sua boca, e inspira uma grande quantidade de ar. Ao realizar a inspiração, o pulmão se expande, os músculos abdominais são flexionados e o diafragma é contraído

- O bocejo também provoca o aumento do ritmo do batimento cardíaco em até 30%

- A teoria da evolução diz que os nossos ancestrais já realizavam uma espécie de bocejo para mostrar os dentes em manifestação de confronto

- Pesquisadores da Universidade de Viena realizaram um estudo em conjunto com a Universidade Nova Southeastern e a SUNY College, nos Estados Unidos, e concluíram que o bocejo contagioso ocorre somente em determinadas áreas com temperaturas externas amenas, excluindo temperaturas extremas (muito quente ou muito frio)

Agora sim, bons sonhos!!
que sono_leão

 

Fonte de pesquisa:

Mega curioso

Folhinha

Brasil escola

Vivermente

Compartilhe ...

E deixe seu comentário!

Deixe uma resposta

Desenvolvido por Miguel Medeiros